Quais os tipos de websites que existem na internet

0
31

A diferenciação dos tipos de websites existentes hoje na internet são essenciais para a formação do conhecimento relativo ao universo digital. Por isso, resolvi criar este artigo e elucidar possíveis dúvidas relacionadas a este contexto.

Baixar E-book!

Conforme já se tornou conhecido de todos, websites são essenciais para o crescimento de um negócio, no mercado atual.

Isto porque, a forma de comunicação entre as pessoas, na sociedade contemporânea se faz eminentemente por meio digital. O mundo é digital.

Assim, os websites são a porta de comunicação entre os empreendimentos, de qualquer espécie, com o mundo exterior. E, por mundo, quer se designar todo o planeta mesmo, interligado através da Internet.

Os websites representam a pessoa, seja ela física ou jurídica, no ambiente virtual. Precisam ser estruturados, de tal forma que demonstrem profissionalismo e autoridade sobre o assunto pesquisado.

Decerto que a autoridade se alcança através dos conteúdos divulgados no website transmitindo conhecimento ao público que busca aquela informação.

E, ainda, para cada segmento há um tipo específico de website. Segundo a estrutura, eles podem ser estáticos ou dinâmicos.

Semelhantemente, quanto aos tipos, existe uma variedade de modos de se divulgar e promover, de acordo com a natureza de cada marca.

Tipos de Websites

Abaixo será possível compreender os tipos de websites, relativos à estruturalidade e formatos dos seus tipos. O guia a seguir é fundamental para a ampla compreensão no que diz respeito a diferenciação de websites, em seus modelos mais profundos.

– Quanto à estrutura:

Estruturalmente os sites podem ser dinâmicos ou estáticos.

Dinâmico é aquele site que pode ser sempre atualizado e administrado pelo próprio usuário, inserindo, excluindo e alterando dados. O gerenciamento do conteúdo é feito por meio da plataforma CMS Content Management System.

Por conseguinte, site Estático é o oposto. Ele não tem incorporado o CMS e assim, o conteúdo não pode ser atualizado pelo próprio usuário. Somente o desenvolvedor, porque o conteúdo é criado em HTML.

– Quanto aos tipos:

Existem diversos tipos de websites, muitos deles estamos bastante acostumados a visitar diariamente pela web. Entre os tipos disponíveis, segue alguns grupos discriminados a seguir.

  1. Sites Institucionais

Em certa medida, todos os sites são institucionais, porque eles apresentam a empresa no ambiente digital. Contudo, a diferença é que esse tipo de site não tem por finalidade a venda diretamente ao cliente.

Ele serve essencialmente para apresentar a empresa, seus produtos e soluções, sem maiores interações diretas com o público.

Conforme já comentado em vários artigos, mas é bom lembrar, ter um site em tempos de marketing digital é fundamental. Um site institucional pode ser uma boa opção para quem quer somente acompanhar o ambiente em que se situa o mercado atual.

  1. Portais

São aquelas páginas que apresentam as corporações – grandes empresas, públicas ou privadas.

Decerto que esses sites têm por fim instruir o público acerca de seus produtos e/ou serviços por meio de conteúdos verticais. Através dos Portais o público tem acesso a informações sobre uma empresa via comunicação direta, por chats ou fóruns, por exemplo.

Os conteúdos podem abordar temas específicos do segmento, mas também notícias, imagens e vídeos. Além disso, os Portais possuem diferentes formas de acessar pelo público, em geral, e pelo usuário funcionário. O primeiro, pela Internet e o segundo, via Intranet.

Só para exemplificar são Portais, corporações como a Petrobrás, Governo Federal, Ministérios, Universidades, Multinacionais, Jornais de grande circulação, dentre outros.

  1. E-commerce

Como o próprio nome em inglês designa, sites de comércio eletrônico, isto é, são sites de compra e venda direta de produtos. A finalidade desses sites é fundamentalmente a de exibir produtos de variados tipos e fabricantes, e vendê-los pela Internet.

Certamente o e-commerce tem disputado acirradamente com o comércio convencional. Isto porque, em relação às lojas físicas, comprar pela Internet tem sido uma tendência do mercado atual. Ou seja, pela praticidade ou mesmo pelos menores preços praticados, as pessoas têm escolhido o e-commerce para realizarem compras.

Segundo uma pesquisa feita pela https://www.ebit.com.br/webshoppers, no Brasil, em 2017, o e-commerce faturou R$ 47,7 bilhões contra R$ 44,4 bilhões, no ano anterior.

Sem dúvida, a maioria da população produtiva conhece exemplos de sites e-commerce. Em algum momento, já utilizaram, pelo menos, um deles.

Considerado o expoente máximo de sites e-commerce, o americano Amazon destaca-se em primeiro lugar. Além disso, esse site é um modelo de aproveitamento integral de otimização pelo SEO.

No Brasil, também temos modelos excelentes como a Americanas.com, que atende a inúmeros pedidos com extrema eficiência.

Normalmente, a maioria dos sites se enquadra em um dos tipos supracitados. Todavia, alguns sites são de segmentos bastante específicos, tais como:

  1. Sites de Notícias

É um tipo de Portal, que apresenta conteúdos variados sobre diversos assuntos e seu foco é a notícia, a informação. Alguns objetivam a notícia sobre um determinado tema. Nesse caso, diz-se, site de notícia especializado.

Costumam veicular anúncios patrocinados, banners, listas de classificados e outras formas de mídia paga, obviamente para sustentação do site.

  1. Site de anúncios

Sites cujo objetivo é vender anúncios. Na verdade, a maioria deles permite até anúncio gratuito, porém para se alcançar visibilidade, eles cobram valores.

Contudo, para o empreendedor que pretende investir nesse negócio, uma notícia: é necessário um alto investimento. Inegavelmente, para competir com os gigantes da área como o OLX, por exemplo, será necessária uma campanha publicitária massiva.

  1. Site Reviews

Tipo de sites de softwares livres para publicação de Resenhas sobre um determinado nicho de produtos ou serviços. Por exemplo, um usuário que queira compartilhar sua experiência de viagem.

Então, esse usuário fará uma resenha, submeterá à aprovação do site e premiará com estrelas, de 1 a 5, o que ele designou. Pode ser um hotel, um restaurante ou algum outro produto ou serviço.

Semelhantemente à indexação com que sites como Trip Advisor ou Yelp atribuiriam àquele produto ou serviço.

Siga o passo a passo para a utilização de Site Reviews, em plugin de WordPress no endereço https://wordpress.org/plugins/site-reviews/.

Considerações finais

Enfim, existem muitos tipos de websites e cada um com sua finalidade específica. Desde que sobre todos os sites presidam algumas regras elementares, para que eles cumpram seus objetivos.

Primeiramente, os sites devem ser construídos segundo as regras de otimização de SEO para que sejam visíveis pelos buscadores.

Em segundo lugar, os sites devem obrigatoriamente ser responsivos, de fácil acesso e com páginas de carregamento rápido.

Lembrando sempre que o principal foco do site é propiciar uma excelente experiência ao usuário.

Em síntese, seja ele um site institucional, Portais ou e-commerce, o site é a identidade da sua empresa na Internet. Faça dela uma perfeita referência.

Baixar E-book!