CMS: O que é CMS e quais seus benefícios para o seu negócio

Conhecer as principais ferramentas de conteúdo da web é o primeiro passo para engajar-se no universo digital

0
20

Content Management SystemCMS, em português, Sistema de Gestão de Conteúdos são na maioria das vezes softwares livres, criados por programadores colaborativamente. Eventualmente encontramos sistemas privados para gerenciamento de conteúdo, como empresas oferecendo este tipo de ferramenta de forma mais avançada. Entretanto, é mais comum ouvirmos falar e utilizarmos CMS gratuitos, quando procuramos criar um site, portal ou blog.

Solicitar Cotação!

A saber, softwares livres são programas que permitem ao usuário executar, acessar e modificar o código fonte.

Dessa forma, talvez o maior benefício do CMS seja exatamente o custo. A maioria tem custo zero. Totalmente gratuitos. Existem alguns poucos pagos, como mencionado acima, dos quais os gratuitos nada deixam a desejar.

Entendendo o que é CMS

Antes de mais nada, a função do CMS é criar e editar conteúdos para sites. Assim, os dois aplicativos mais utilizados e também recomendados pelas comunidades online são o Joomla e o WordPress. Cada qual com seus prós e contras e suas devidas peculiaridades.

Existem outros aplicativos de CMS. Por exemplo, o Drupal, usado pela página do governo americano, o Text Pattern e o Radiant. Contudo, o Joomla e o WordPress têm um desempenho mais abrangente, para diversos portes de empresas e variedade de projetos.

Com efeito, isso não significa que não possam ser utilizados também para sites pessoais. São facilmente acessados por qualquer navegador e por todo tipo de dispositivo: seja  desktop, notebook, tablet ou smartphone. Atualmente são mais utilizados em termos de compatibilidade e fluidez, pelo Chrome mas funcionam igualmente bem no Explorer, Firefox, Safari, Opera e outros navegadores menos conhecidos. Não é necessário fazer download de softwares ou apps para acessá-los.

Provavelmente, listada no topo de todas as vantagens está a atualização de páginas, que é rápida, sem precisar de nenhum software específico ou auxílio de terceiros. Qualquer pessoa, com o menor conhecimento, consegue criar um site ou blog, acrescentar conteúdo e editá-los com total facilidade.

Enfim, um site construído com CMS será facilmente indexado e, óbvio, melhor ranqueado nos mecanismos de busca.

Obtendo resultados expressivos com o CMS

Certamente, os tempos mudaram para o comércio tradicional. Como disse Bill Gates: “se o seu negócio não estiver na internet, então, o seu negócio ficará sem negócio.”

Desse modo, na era digital, não basta somente ter uma loja com endereço físico, mas é imperativo que você tenha um endereço virtual.

Assim sendo, um website é a vitrine para uma marca e produto na internet e precisa ter uma dinâmica semelhante às vitrines físicas.

O que faz a pessoa parar para ver uma vitrine na rua? A premissa é a mesma na internet. Os produtos precisam estar bem acessíveis, as imagens têm que ser limpas e atraentes para que se entre na loja com a motivação de comprar.

Decerto, o CMS oferece ao site a vantagem de dar ao cliente uma experiência mais agradável. Dessa forma, os resultados das vendas são bem mais expressivos.

Entretanto, é preciso por a mão na massa

Não adianta nada só ter construído um site e deixá-lo inerte na web, para ser encontrado por acaso, um dia. É necessário movimentá-lo, dinamizá-lo, aperfeiçoá-lo, gerenciando o conteúdo cotidianamente.

Ademais, é relativamente complexa a produção diária de conteúdo diferenciado, porque depende de uma série de variáveis e métricas, além de ter um custo financeiro envolvido. Sobretudo, o layout que envolve um trabalho bastante técnico.

Pensando nisso, através desse sistema, o CMS elaborou uma forma de atualizar-modificar-editar-monitorar-alterar as páginas do seu site rapidamente.

Isso atende à necessidade da empresa, gerando resultados reais bastante expressivos.

Assim, o processo é simples: o usuário alimenta um banco de dados com o conteúdo e o CMS contribui com o restante. É claro que o usuário precisará complementar seu CMS com “plugins” e temas pagos ou gratuitos, afim de deixa-lo mais personalizado e alinhado de acordo com as suas preferências. O sistema em si é apenas um terreno organizado, em que o proprietário deverá determinar como e de que maneira este funcionará.

Principais benefícios do CMS

Dependendo da experiência, cada um avalia o que considera como o maior benefício do CMS para o seu tipo de empreendimento.

Nesse ponto, o benefício do custo prevalece sobre todos os outros, porque normalmente é a principal preocupação dos empreendedores.

Entretanto, muitos são os benefícios da utilização do CMS, na atualização de sites. Seguem listados alguns deles:

  • Desenvolvimento de página e atualização. O próprio usuário pode desenvolver sua página e ter acesso aos trabalhos do próprio navegador, de qualquer lugar;
  • Gerenciamento da eficiência do site. O site é alimentado com conteúdo, mas é necessário medir a eficácia desses inputs (inserções). O CMS faz isso, buscando otimizar os resultados;
  • Os CMS possuem recursos extras para melhorar o site. Esses recursos ajudam a interface com o usuário (UI), tornando mais agradável a experiência.
  • O CMS tem uma grande vantagem que é a otimização do seu site para os mecanismos de busca, conforme as melhores práticas de SEO. Com a permanente atualização, dentre outros fatores, mantém os códigos limpos, viabilizando um melhor ranqueamento do site na busca orgânica.

Facilidades

  • O CMS permite a criação desde blogs, sites individuais, sites de empresas de pequeno, médio ou grande porte até megastores. Além disso, é possível a criação de portais, com conteúdos exclusivos a um determinado assunto, ex: Filmes; games; tecnologia.
  • O CMS facilita a atualização de edição de artigos e imagens;
  • E, tem o grande problema do carregamento das páginas. Ninguém quer esperar alguns segundos a mais pela abertura da página. O usuário é impaciente e imediatista (na maioria das vezes). O CMS resolve esse problema. O sistema possui uma série de soluções que auxiliam na resolução dos problemas de lentidão de carregamento e  aceleraram a velocidade de acesso às páginas. Em muitos casos isto é feito com o  complemento de plugins de cache e compactação de conteúdo, além de algumas modificações necessárias no servidor de hospedagem, afim de tornar isso possível.
  • Por ter recursos adicionais, o CMS viabiliza as variações da funcionalidade do site. Por exemplo, disparador de e-mail marketing, newsletters e, ainda, gerenciador de downloads, além dos modos de visualização da galeria de imagens e gestão de usuários.

Dependendo da escolha do aplicativo, existe uma enorme variedade de plug-ins disponíveis para associar ao CMS, melhorando ainda mais o desempenho.

Enfim, esses são alguns dos benefícios que se pode obter com o Sistema de Gestão de Conteúdos – CMS.

Conclusão

O empreendedor contemporâneo sabe da imperativa necessidade de se fazer negócios pela internet, no mundo atual. O modelo físico pode continuar existindo, desde que tenha seu correspondente no mundo virtual.

Com efeito, o site é o espaço da sua empresa no mundo online cada vez mais digitalizado.

Contudo, nem sempre o empreendedor está apto a lidar com os recursos da era digital. São muitas informações, muitas variáveis, muita rapidez, que somente os antenados poderiam alcançar sucesso.

Com o intuito de facilitar a viabilização dos negócios das empresas, o CMS foi pensado e criado para otimizar a sua existência no marketing digital.

Surpreendentemente, ele surgiu de uma iniciativa altruísta, na medida em que a criação e aperfeiçoamento do sistema é colaborativo. Isso permite que o sistema seja permanentemente reciclado, atendendo dessa forma, à própria dinâmica do marketing digital, em sinergia com as mudanças do comportamento do mercado.

Um universo sem barreiras

Certamente o empreendedor de sucesso sabe reconhecer a necessidade de um sistema integrado e polivalente que é o caso do CMS. Um sistema que, por si só, integra e otimiza várias interfaces da sua empresa e permite um horizonte repleto de possibilidades.

Principalmente, com todos esses benefícios, o CMS vai posicionar a sua empresa nos mecanismos de busca — o que é essencialmente importante para a vida do seu negócio. É importante lembrar que, para o site realmente aparecer nos mecanismos de busca, alguns ajustes serão necessários dentro do CMS. Estes ajustes vão desde a instalação de determinados plugins, a configuração deles e uma escrita correta, sobretudo fluída, na criação do seu conteúdo. Sobretudo na gramática, o que envolverá o uso correto de pontuação, acentuação, paragrafação e outros preceitos necessários para um bom posicionamento nos resultados de pesquisas. Contudo, fique tranquilo, pois aqui na Mestre Marketing iremos destrinchar estes enigmas e mostrá-los de forma clara para a sua fácil compreensão.

Portanto, aproveite tudo que o CMS – Sistema de Gerenciamento de Conteúdo — pode oferecer e agregar ao seu ambiente corporativo ou individual. São recursos vitais que podem ser a diferença entre o sucesso e o completo fracasso em uma nova empreitada.

Por último, vale lembrar que se deve escolher qual CMS é mais adequado para oferecer as soluções certas ao seu tipo de negócio. Tentaremos guiar você aqui para um amplo entendimento sobre qual sistema é o mais indicado para o seu negócio e como extrair o máximo do seu potencial.